Alguém me traz a sexta-estrela, por favor?

O melhor restaurante mais legal que eu fui na minha vida (incluindo os de Amsterdã, Paris, Londres, São Paulo, inferno…).

Bom, agora vou pontuar os porquês de tantos elogios:
1) Gastronomia molecular. Isso é tipo quando você era criança e brincava com a comida, só que feito de forma profissional. Pipoca congelada, pudim de Jack Daniels, Polenta de chocolate branco e spagheti feito de Shoyu são algumas coisas que você pode encontrar nessa brincadeira.
2) Você pensa: ok, tem mil coisas legais para experimentar, mas vou pedir só um prato (ou uma entrada, prato principal e sobremesa) e perder todo o resto da brincadeira? Não, eles inventaram o “Menu Degustação”. Nesse modelo eles trazem várias invenções em porções reduzidas para você conhecer o maior número de sabores que eles conseguem criar. Esse menu pode ser adequado para cilíacos, vegetarianos, quem não come frutos do mar, etc.
3) Quem te serve é o chef. Nem um garçom, nem um maitre o próprio rapaz que inventa essas loucuras é quem põe os pratos à mesa, explica como foi feito e o que ele espera que o sabor resulte, a melhor forma de comer o prato e ainda tira suas dúvidas.
4) É uma delícia! Poderia ser só uma grande brincadeira de pratos exóticos criados de forma inusitada, mas não. Eles são muito saborosos e ainda que venham em pequenas porções somados resultam numa ótima refeição. Você sai de lá satisfeito!
5) É caro? Em valores nominais é. Mas não vou descontar estrelas deles por isso. Afinal não deve ser barato congelar pipoca ou transformar shoyu em macarrão.

Postado no Yelp por Peterson P. – Curitiba, PR